segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

CETESB condena condomínio a alagamentos

Corredeiras voltaram a invadir o condomínio neste domingo
Foto: Nilton Esteves
A falta de uma licença para instalação de obra, está impedindo o início da canalização de um trecho do córrego Poá entre a Chácara Iolanda e o piscinão Portuguesinha, em Taboão da Serra.
A licença precisa ser emitida pela CETESB (Cia. de Tecnologia de Saneamento Ambiental) para o trabalho ser realizado por empreiteira contratada pelo DAEE (Departamento de Águas e Energia Elétrica).
Sem a canalização, a cada temporal os moradores ficam ilhados no condomínio Chácara Iolanda, no limite entre os municípios Taboão da Serra e Embu das Artes.
O síndico Nilton Benedito Esteves contabiliza 120 inundações no local desde o ano de 2003 até 2010.

A Chácara Iolanda fica ilhada a cada novo temporal
Foto: Nilton Esteves
Dez milhões parados há 13 meses
O contrato da canalização já está assinado desde 21 de dezembro de 2010. O córrego Poá será canalizado em uma extensão de 1.374 metros lineares, entre os Km 274 e 275 da BR-116.
A obra está orçada em R$ 9.880.711,11. O prazo para sua conclusão é de 12 meses a contar da data da ordem de serviço.
O dinheiro para a canalização está reservado no DAEE, mas não pode ser utilizado enquanto a burocracia da CETESB não autorizar a instalação do canteiro de obras.
A CETESB também está atrasando outras obras de canalização em vários córregos de São Paulo, informa o engenheiro Antonio Carlos Cecon, gerente de engenharia e obras do DAEE.
A Chácara Iolanda fica em uma área por onde se afunilam as águas de uma bacia de cerca de 5 km².
Veja mais fotos dos transtornos causados aos moradores do condomínio Chácara Iolanda aqui aqui

2 comentários:

Nilton disse...

Não sei de quem é a culpa, o que não podemos é ficar calados. Vou enviar este material direto para o Gabinete do Governador Geraldo Alckmin.

Absurdo os recursos da canalização do Córrego Poá ficarem parados por 13 meses e 19 dias depois da publicação no Diário Oficial 24-12-2010, sem falar que a publicação tem validade por 15 meses.

Este assunto se tornou uma vergonha nacional, estamos a menos de 2 Km do Rodoanel Mário Covas e na entrada do Portal MERCOSUL.

Ong A Mão Amiga disse...

ajude a ong a mao amiga de taboao da serra desenvolvemos trabalhos de cunho social e filantrópico,em nosso cidade.