segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

Olha a Citéluz de novo aqui, gente!!!

Família caminha por avenida de Manaus mergulhada na escuridão
Foto: Danillo Mello / Diário do Amazonas


Isto aqui não é birra do boteco, não! Está tudo na edição de ontem do Diario do Amazonas, precisamente na página 13.

A Prefeitura de Manaus vai contratar uma substituta para a Citéluz na segunda metade de 2009.

Desde o mes de outubro venho abrindo os olhos de vocês sobre esta firma, que o Evilásio contratou para cuidar da luz de rua de Taboão da Serra.

O karaokê de escribas do prefeito mente que a Citéluz de iluminação é a coisa mais linda que aconteceu “nesta cidade” desde a nossa emancipação a ser comemorada em 19 de fevereiro.

A Citéluz se faz de boazinha no início do contrato com as prefeituras (a maioria deles suspeitos e sob a mira de promotores da Justiça e Tribunais de Contas pelo Brasil afora). As populações são seduzidas a aderir à lua-de-mel dos bandos políticos que fazem acertos com a empresa.

Porém (e como dizia Plínio Marcos, sempre tem um porém) não demora para o assunto assumir o seu caráter nebuloso.

Se você quiser ver todos os pratos sujos que já botamos sobre nosso balcão imaginário a respeito de la honorable Citéluz clique aqui.

Voltemos à Amazônia. Todo santo dia são registradas mais de 2 mil queixas dos habitantes de Manaus contra la divine Citéluz. A maioria das broncas é sobre a demora no atendimento à população.

E se o infeliz do reclamante mora em bairro de pobre... viiixe, tá lascado!!!

A Citéluz presta serviços... quer dizer, ganhou a concorrência para iluminar Manaus em 2004. De lá pra cá, a firma já foi multada, houve CPI na Câmara de Vereadores de Manaus, protestos na Comissão de Defesa do Consumidor na Assembléia Legislativa do Amazonas... e nada.

A formidable Citéluz continuava firme e forte. Chegou a receber um aditivo de R$ 15 milhões no contrato com a Prefeitura de Manaus. O bando político do então prefeito de lá justificou a autorização de grana extra alegando que a Citéluz investiria na ampliação de seus serviços e melhorias na manutenção.

Cascata!!!

Agora parece que a Prefeitura de Manaus se tocou e vai desfazer sua comunhão de males com estes fabricantes de trevas.

Você que acende fogueira e bate tambor pro Evilásio, veja como vai ficar o seu bairro assim que la magnifique Citéluz se cansar do seu namoro novo com Taboão da Serra.

Bairro da periferia de Manaus

Foto: Evandro Seixas / Diário do Amazonas

2 comentários:

Junior VIllas Boas disse...

Eu acho que os trabalhos que eles estão realizando aqui em Taboão são satisfatórios. Mas o nível aqui deveria ser igual apra todas as cidades.

David da Silva disse...

A idéia é esta, Junior.
Que não aprontem aqui como fazem em outros municípios.
Mas, é curioso que, com uma "capivara" destas, o bando político do Evilásio não tenha optado por uma empresa com mais lumière...