segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Gláucio, com G de grafite

Gláucio Santos - Foto: David da Silva
“Eu estava passando em frente ao paredão de uma avenida no Pirajuçara, e vi umas pessoas grafitando. Pedi pra me deixarem participar”.
Simples assim. Foi dessa maneira que, no ano 2000, Gláucio Santos entrou para o mundo da arte-mural. 
Na ocasião rolava o 1º Concurso de Grafite de Taboão da Serra. 
Idealizado por David da Silva, o concurso visou manter a muralha a salvo dos pichadores e dos candidatos, que na época podiam fazer propaganda política nos muros.
Ao encarar o desafio do seu primeiro grafite Gláucio Santos tinha 28 anos, e dava aulas de musculação. 
Mas o desenho o acompanhava desde a primeira infância. Porém só desenhava no papel. 
Com o apoio dos artistas plásticos Victor Hugo e Bruno Hamzagic, a arte em muros abriu novos mercados para o talento de Gláucio.
Carreira de prêmios
Nascido no bairro paulistano do Jabaquara em 6 de janeiro de 1972, Gláucio de Oliveira Santos veio para Taboão da Serra com apenas um ano de idade. 
O primeiro mural feito em 2000, na Av. Fernando Fernandes, 
Taboão da Serra. Colegas emprestaram tintas e
compressor para o novato Gláucio.
Foto: Reprodução/David da Silva
Seus pais, naturais de Seabra, no centro-sul do Estado da Bahia, fixaram moradia no bairro Vila Iasi, onde hoje o grafiteiro, desenhista, ilustrador e escultor mantém a sua Escola Artcomics.
Além das técnicas, os aprendizes herdam a trajetória premiada do mestre.
Estimulado pelo colega Bruno Hamzagic, Gláucio se inscreveu no Mapa Cultural Paulista em 2001. 
Perfeição - Xuxa no desenho de Gláucio,
exposto no parque Beto Carrero World,
em Santa Catarina    -    Foto: Divulgação
Foi campeão municipal de Desenho de Humor, com a caricatura de Milton Nascimento.
Seguiram-se conquistas importantes no I Salão Internacional de Humor do Piauí em 2002; no 1º Festival de Desenho de Humor de Ferraz de Vasconcelos (SP) em 2003, e classificações para o disputado Festival Internacional de Humor de Piracicaba.
Atualmente, Gláucio concilia seu tempo no ensino da arte e o trabalho comercial com grafite.
Grafite tridimensional de Gláucio Santos no centro de São Paulo - Divulgação
























Arte-mural e amor à Natureza
Há um mês, Gláucio Santos inaugurou seu projeto Biodiversidade Brasileira. 
Foto: David da Silva
A data não poderia ser outra: 4 de outubro, Dia Mundial dos Animais e da Natureza. A série temática de murais em 3D vai percorrer bairros que tenham nomes indígenas. Os grafites vão sintetizar a pesquisa de Gláucio e sua equipe sobre a geografia, fauna e flora originais de cada localidade.

À esquerda, Gláucio com os parceiros Yankee (ao fundo) e Jeff. Primeiro mural da série Biodiversidade, ao lado do Estádio do Morumbi, no bairro de mesmo nome, que em tupi-guarani significa Colina Verde.

Acompanhe Gláucio Santos no Facebook
Escola Art Comics
Rua Pirassunga, 84 - Vila Iase 
Taboão da Serra - SP

Nenhum comentário: